T.N.T

T.N.T

AIR SOFT CLUBE
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  
Este o novo site do CLUBE T.N.T., aqui pode encontrar toda a informação da equipa T.N.T. de uma forma mais dinamica! http://t-n-t-airsoft-clube.webnode.pt/

Compartilhe | 
 

 OP.ROMA PEREIRA 19-11-2011

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
T.L.OLIMPO
Admin
avatar

Mensagens : 1273
Data de inscrição : 04/05/2011
Idade : 42
Localização : ALGUEIRÃO CITY-SINTRA

MensagemAssunto: OP.ROMA PEREIRA 19-11-2011   Seg Nov 21, 2011 12:30 am

Os T.N.T. tiveram o prazer de estar presentes neste evento de homenagem ao comando falecido em missão ROMA PEREIRA!

Este foi um evento Organizado pelos E.T. realizado num fabuloso campo cedido pelos camaradas dos RECON na serra de Sintra.
Ao lado dos T.N.T. estiveram em campo varias equipas de referencia na comunidade de Airsoft, para um jogo que durou 12h.
Duas forças em campo lutavam por cumprir os seus objectivos,de uma lado a força da NATO que tinha por missão base,proteger um grupo
de funcionários de uma ONG que estavam no terreno para assistir a população e facultar vacinação aos habitantes de algumas aldeias,
do outro lado, a força rebelde que tentava capturar os ONG´S e assim apoderar-se das vacinas para posterior venda no mercado negro,e caso
se proporciona-se,fazer baixas nas forças da NATO.
Ao T.N.T. coube representar o papel de força rebelde,acompanhados pelo SIDINEI dos S.A.R. e outras equipas,as quais agradeçemos desde já
o companheirismo e amizade com que nos receberão.
O campo cedido pelos RECON é simplesmente fantástico,e foi para nos uma agradável surpresa ir explorando cada metro desta parte da serra de Sintra.
O jogo teve inicio as 13h,ficando a nossa força colocada numa base criada para o efeito. A responsabilidade de liderar a força rebelde coube ao LÉGIO,que
servia também de ligação entre a equipa e a organização,a qual iria transmitindo ao longo das horas as missões que teria-mos de cumprir, e que eram dadas
através de coordenadas,e depois de identificadas no mapa,era ordenado a pequenas equipas no terreno que se deslocassem para a zona onde estaria o objectivo.
Aos T.N.T. foi dada a missão de acompanhar uma coluna no terreno na tentativa de explorar e capturar um míssil ,que seria mais tarde utilizado para destruir
um objectivo ou a base das forças da Nato.
Depois de encontrado o míssil pelas nossas forças,ficamos a fechar a coluna e proteger a extracção da todos os elementos para a nossa base.
Nessa altura foi solicitado pelo nosso Comandante no terreno,que fizéssemos reconhecimento avançado de terreno hostil,e se possível recolher intel sobre a base da força opositora.
Ora este é o tipo de jogo que os T.N.T. mais treinam e se adaptam melhor.
Atravessámos uma linha de água de subimos uma encosta sempre em progressão muito cuidada.
Montamos base no cimo dessa encosta,e depois de cerca de 30mnts de observação,vimos uma coluna de elementos da NATO a deslocarem-se para a nossa posição.
Estávamos em desvantagem numérica em relação a esta força,e como a nossa missão era reconheçer e recolher intel,não denunciamos a nossa posição.
Depois de a coluna passar,entramos em perseguição para poder ter vantagem sobre a mesma e ir acompanhando e passando informção para a base sobre a posição desta força.
Mais tarde com receio de termos sido avistados numa determinada altura,optamos por nos embrenhar de novo no denso mato da zona e esperar.
As horas foram passando e conseguimos recuperar um dos objectivos de jogo. Depois de comunicar a base a nossa posição e obtenção do objectivo,foi nos pedido para regressar a base para a entrega do mesmo. Conseguimos de novo atravessar a zona sem ser detectados e assim descansar um pouco.
Enquanto as nossas forças no terreno conseguiam ir realizando as missões que eram dadas pela organização a equipa,optamos por esperar pelo anoitecer para
sair de novo em patrulha a coberto da escuridão.
Fizemos mais uma patrulha de reconhecimento,e quando voltamos a base,já a nossa equipa estava em poder dos objectivos necessários para poder proceder ao lançamento do missil.A unica condição seria a de ter de proteger o missil durante 60mnt´s sem ser destruido pelo inimigo.
Ja a noite estava fria e sem lua,quando montamos perimetro num caminho de acesso ao missil,para identificar movimento e abrir fogo caso preciso durante esses longos 60 minutos de frio.
Lançado o engenho e destruida a base da Nato,ficamos a proteger durante um tempo a base,e seguidamente arrancamos de novo em patrulha pelo escuro caminho e mato.
Deparamo-nos algumas vezes com movimentações e lanternas no caminho mas optamos sempre por nos mantermos escondidos,ate que chegamos ao local onde tinhamos deixado os carros no inicio do jogo.
Nessa zona a cerca de 30 metros dos carros,encontrava-se o grosso da força inimiga e era impossivel passar sem ser visto e emboscado.

Foi então que nos surgiu uma oportunidade unica,quando um grupo de escuteiros muito jovens se deparou comnosco.
Estavam numa orientação nocturna e eram cerca de uns 15 ,munidos de coletes reflectores e lantérnas ,gritand "ESCUTEIROS" para que nenhum jogador menos atento e mais nervoso,abrisse fogo sobre eles pensando se tratar de outro jogador ou jogadores.
Depois de uma breve conversa e muita curiosidade da parte deles,resolvemos seguir no meio deste grupo que segui para o meio das linhas inimigas,onde ai estava
parte do seu percurso,e que nos iria garantir poder ter imunidade e salvo conduto,e assim aproveitar e recolher informação também sobre as posições dos elementos da Nato.
Foi uma situação muito divertida,tanto para nós como para os jovens escuteiros que tiveram uma escolta armada,até ao lugar onde nos separamos.
Tendo visto onde estava a força opositora,tentamos mais tarde regressar ao lugar e fomos progredindo de forma estremamente cautelosa.
Depois de reconheçer o local,vimos que nessa altura já a força tinha abandonado a posição e regressamos a base.
Era cerca da 24H quando foi dado por terminado a Operação,ficando ainda cerca de 3 missões ainda por cumprir de ambas as partes,mas que pela adiantada hora,se optou por cancelar as mesmas.
Fizemos uma formatura para o brifing final do jogo e prestamos um minuto de silencio em homenagem ao Comando ROMA PEREIRA.
Como sinal de reconhecimento de participação e finalização da OP.ROMA PEREIRA,foi atribuido a cada jogador que finalizou a prova,um distico alusivo a este evento
que os T.N.T. orgulhosamente usaram no seu uniforme!

Foi uma dura prova,onde o nosso fisico e mental,foram desafiados pela dureza do terreno , pelo clima frio da noite mas que nos deixou mais fortes e confiantes,
Onde mostramos que estamos a altura dos desafios propostos,tendo nunca termos sido abatidos,conseguido a recuperação de um objectivo ajudando assim a equipa,
e estando por diversas vezes a observar forças inimigas sem sermos detectados.
Para mim pessoalmente foi algo que me deixou ainda mais motivado a continuar a aprender e evoluir no airsoft e principalmente nesta vertente de MILSIM.

Resta-me agradeçer aos E.T. pela confiança depositada nesta pequena mas humilde e honesta equipa,e esperar termos estado a altura do evento!

OLIMPO
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://tntairsoft.forumeiros.com
S.L.Tozecas

avatar

Mensagens : 1386
Data de inscrição : 18/06/2011
Idade : 43
Localização : Odivelas

MensagemAssunto: rescaldo da op. Roma Pereira   Qua Nov 23, 2011 3:10 pm

Sendo este o jogo mais longo em que estive presente obrigou-me a reformular algumas coisas:

A preparação que fiz:
O jogo mais longo em que tinha estado presente teve, no máximo, umas 4 horas de duração, já tinha jogado de dia ou de noite, mas nunca em ambos os cenários no mesmo jogo (este facto contribuiu para um maior realismo do jogo), obrigou-me então a ir preparado para o frio e a chuva, tive de ser mais criterioso na escolha do material que levei (as minas antipessoais, o lançagranadas e o binóculos ficaram de fora, entrou a comida e o vestuário para o frio).

A duração do jogo permitiu também um maior realismo nas emboscadas que preparámos, concretamente, permitiu-nos estar mais tempo à espera do inimigo. Estivemos também muito tempo a guardar a base. Este facto também foi novo para mim já que foi necessário manter a concentração e o silêncio durante muito tempo, o que no meu caso é difícil pois eu sou impaciente por natureza.

Gostei particularmente da missão que fizemos por trás das linhas inimigas, que nos permitiu seguir movimentações do in e nos permitiu atingir um dos objetivos do jogo.

Curiosamente não chegámos a disparar uma única bb, embora tenhamos visto elementos inimigos durante a nossa missão de reconhecimento, optámos por deixa-los passar, procurando passar despercebidos.

Este foi um dos jogos em que me diverti mais, parece-me que fizemos um bom trabalho.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
OP.ROMA PEREIRA 19-11-2011
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Hyundai Sonata 2011 chega com preços a partir de 95.000 reais
» Liga leve modelo 2011
» Copa CDK-SP de Kart 2011 - 3 Etapas - Datas e Locais a Definir
» Novo Fiat Uno 2011 Projeção do Leitor!
» [Novidade] Yamaha Stryker - 2011

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
T.N.T :: MARCAÇÕES DE JOGOS COM OS T.N.T :: MARCAÇÕES DE JOGOS COM OS T.N.T :: RESCALDOS DOS JOGOS-
Ir para: